Sexta-feira, 29 DE Julho 2005
Se a estupidez matasse, muita gente estaria morta há muito tempo. De vez em quando, oiço uns "elogios" à minha pessoa que me põem fora de mim. Quem souber, que me diga o que tem de extraordinário eu ter completado o 12ºano, apesar de ser deficiente. Eu sei que lutei muito para concluí-lo, mas não é razão para ser elogiado. Pior ainda fico, quando penso que tive tanto trabalho em acabar o ensino secundário e afinal de contas faço o mesmo que alguns analfabetos, ou seja nada.
Eu estou a escrever isto como um desabafo e também porque não tenho nada de mais interessante para fazer. O que me levou a escrever isto nesta altura foi o facto de mais uma vez ter sido "elogiado" (dispenso este tipo de elogios). Não explodi mas decidi que deste momento em diante, cada vez que ouvir um comentário acerca da minha inteligência devido a ter acabado o ensino secundário, vou responder à letra. As pessoas que fazem este tipo de comentários parecem parvas. Mais palavra menos palavra, os comentários são todos do mesmo estilo e são todos assim: "Coitadinho, é tão esperto. É uma pena estar assim". É bem complicado mudar mentalidades, não sei se algum dia chegarão a mudar totalmente. Do fundo do coração, espero que sim mas estou a perder a esperança de ver alguma mudança.
Isto é apenas uma "ponta do icebergue". A mentalidade retrógrada está muito pior do que este "infeliz" comentário deixa transparecer. Por isso, deixo um aviso (já sei que irão dizer que isto é completamente louco, mas não me interessa).Se há algo que aprendi com alguém especial, foi perder o medo de dizer as coisas. Não se macem a procurar a alma gémea (agora está na moda, devido à telenovela). Ainda correm o risco de alguém vos dizer: "Coitadinho, está tão apaixonado(a). É uma pena estar assim"
publicado por Zé Luís às 16:16
Eu já me preocupei mais com as cabeças afuniladas.
Vou-te contar, a minha beleza tremeliqueira é um sucesso, é velos a cair de amores ou a roerem-se de inveja. ;)
Beijinho grande
Azulinha
(http://luzazulonline.blogs.sapo.pt)
(mailto:ja@tens.pt)
Anónimo a 1 de Agosto de 2005 às 11:32
O sporting é o melhor!!!
Arraz from “http://vivascp.blogs.sapo.pt”
arraz
(http://vivascp.blogs.sapo.pt)
(mailto:arraz@sapo.pt)
Anónimo a 31 de Julho de 2005 às 16:58
Pois é amigo, é por estes "elogios", "bocas", barbaridades que se dizem e que ouvimos, que às vezes temos de fazer orelhas moucas, fazer das tripas coração ou usar "mascara", às vezes de ferro para ninguém perceber o que sentimos no coração, no corpo e na alma. Eu oiço, faço e também uso mascaras e quando é preciso também me "salta a tampa". Não foi em vão que criei o Moral Comunitário: "Para as perguntas mais descabidas.As respostas mais certas e merecidas." E para bom entendedor meia palavra basta. Quem diz o que não deve, ouve o que não quer. Quanto a ti, não desistas Nunca de continuar assim: a soltar cada vez mais o teu grito de ser gente. Bjinho super xxl da Piquena do Contininte :)P.C.
</a>
(mailto:lu.ki@sapo.pt)
Anónimo a 31 de Julho de 2005 às 16:49
Bolas Zé Luís, eu sei o que me custou a mim...
é certo não é nada de extraordinário, mas que me custou lá isso custou.
Quanto à procura da alma gémea... não, não te maces ela aparece na mesma.
E o único comentário que me apetece fazer é: feliz daquele que ama, pois coitadinhos são os que nada sentem. Esses sim são os piores coitados.
Um beijo ao AMIGO que adoroIsabel Ferreira
</a>
(mailto:isabelmof@iol.pt)
Anónimo a 29 de Julho de 2005 às 23:42

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Julho 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
15
25
26
30
31
últ. comentários
Boa sorte, amigo feiticeiro, lol! e nunca digas nu...
Este post já é antigo mas faz todo o sentido! Para...
Era perfeito! Mas não sendo possível, pode ser que...
É! Pelo menos desta vez não houve aquele sofriment...
olá, ... olha tens um desafio no meu blogue para c...
Olá, venho aqui hoje, pra te colocar um desafio, o...
Também acho que tens razão, acima de tudo esses ac...
ahahah está certo!
Hum... não se se ele vai conseguir acabar lá. Quer...
pois, azul e preto há é branco que quero dizer, é ...
blogs SAPO