Domingo, 17 DE Julho 2005
Sou um deficiente motor e como todos, tenho o direito de ter acesso a todos os edifícios públicos, ou pelo menos pensava que tinha (com uma escadaria assim, nem os ditos normais conseguem ). Dirigi-me ao Registo Civil da Ponta do Sol, para renovar o meu B.I.. Eu já sabia que aquele edifício tinha poucas condições de acesso para os deficientes, mas só hoje vi com os meus olhos a vergonha que é. Para termos um melhor acesso, só por uma porta lateral e mesmo assim, temos que ter ajuda, já que tem dois degraus na porta. Mas o mais grave ainda é o acesso à sala de audiências do tribunal que fica no andar mais alto do edifício. Enquanto estive lá, foi-me contada uma história digna do terceiro mundo. Um homem deficiente foi ao tribunal e depois para subir teve que ir de rastos pelas escadas, já que não havia outra maneira de lá chegar. Para lá chegarmos, só subindo uma grande escadaria ao bom estilo do Bom Jesus de Braga. Isto não tem a mínima desculpa, sendo este edifício de construção relativamente recente.Mas na minha vila este não é o único edifício assim. A Câmara Municipal também tem uma escadaria que mete dó. Concluindo, os deficientes neste concelho não se podem servir dos edifícios públicos nem trabalhar neles. Por estas coisas assim, continuo sem trabalho. Espero que este desabafo não caia em saco-roto e possa contribuir para uma mudança de mentalidades neste concelho.
Este blog também serve para falar de coisas sérias e por isso a minha reclamação que servirá de pouco, mas enfim, pelo menos ficam a saber a porcaria que é este edifício.
publicado por Zé Luís às 11:28
Sábado, 16 DE Julho 2005
Eu escrevo sobre tudo o que me vem à cabeça, mesmo que sejam as maiores asneiras à face do planeta. Desta vez escrevo sobre o " João das Festas". Ele não me pagou comissão para defendê-lo (até que dava jeito), mas eu vou falar deste homem que muito fez pela Madeira, defende-a até ao limite com unhas, dentes e alguns palavrões, se bem que algumas vezes exagera como é seu timbre. Há quem diga que ele fala mal quando diz os famigerados palavrões. Eu sou da opinião que ele até fala bem...claro. Toda a gente o entende, já que ninguém fica indiferente aos seus discursos.
O "João das Festas" é o dr. Alberto João Jardim, eu chamo-o assim devido às imensas inaugurações que faz. Tornam-se um autêntico arraial e os seus discursos geralmente dá "festa" para vários dias, põe um país em polvorosa. Ele é um grande líder, sabe como levar as pessoas a acreditarem em si. Digamos que a diferença entre ele e o Pinto da Costa reside no nome e no local de residência, porque de resto, as suas maneiras de actuar é bastante semelhante. Ambos "pegam fogo" e esperam para ver tudo "arder" até ao limite.
As pessoas que lerem este texto certamente pensarão que eu sou simpatizante do Partido liderado por este homem. Nada mais errado, eu sou admirador dele como homem que defende os interesses de um povo, porque em relação a partidos sou "ateu", não acredito em ninguém. Aliás, acho que ninguém acredita em partidos ( e muito menos em políticos) neste país. Até pode haver alguém que acredite, mas esses só os seguem, porque acreditam piamente que as pessoas da vida política são sérias (nota-se nos últimos tempos o quão sérios são). Se ser sério é prometer o céu e dar o inferno, realmente os políticos são todos sérios.
publicado por Zé Luís às 15:53
Quinta-feira, 14 DE Julho 2005

Eu bem disse que escreveria sobre todos os assuntos em que eu soubesse dizer algo, mesmo sem a mínima experiência em certos assuntos. Desta vez vou falar do AMOR. Como dizia Camões: "Amor é fogo que arde sem se ver", nada mais errado no meu ponto de vista, já que acho que toda a gente vê quando alguém está apaixonado. Pelo menos acho que se percebe a menos que a pessoa apaixonada consiga ser uma grande actriz digna dos Óscares de Hollywood (como eu). Mas como há gente para todos os feitios, possivelmente, alguns conseguirão esconder melhor que outros, acho eu (como disse, não tenho experiência no assunto). Já agora, para que fique claro, o Amor arde e queima (por isso vemos algo, nem que seja a queimadura "psicológica"), acabamos bronzeados, nem que seja pela cor da raiva em certos momentos. O Amor é um sentimento "parvo" que faz de nós "parvos". Parece uma afirmação filosófica, mas totalmente verdadeira, porque uma pessoa "apanhada" pela flecha do Cupido, fica parva... e já agora também cega. O problema é quando recupera a "visão", muitas vezes cai na realidade e afinal dá-se conta que não estava cega...mas sim estúpida. É uma maluquice uma pessoa falar de um assunto em que não tem experiência (ou terei??) mas já estou por tudo. O blog é meu, escrevo o que quero e o que bem me apetece, para isso é que servem os blogs. Quem ler isto, certamente não aprende nada, mas também não é esse o objectivo. Querem aprender, vão estudar (sempre é melhor do que ler isto).

publicado por Zé Luís às 13:53
Quarta-feira, 13 DE Julho 2005
pontassolense.jpg
Tenho a certeza que ninguém sonhava que o símbolo da A.D.Pontassolense iria aparecer num blog, mas para isso é que servem os adeptos "inteligentes" (como eu)
publicado por Zé Luís às 18:00

Há dias inesquecíveis e o de ontem (embora não me lembro de alguns momentos) foi um deles. Começou bem cedo pelas sete da manhã, levantei-me, tomei banho e fui para o hospital fazer uma endoscopia (quem não souber o que é, o dicionário explica). Pois bem, fui chamado e entrei no consultório. A médica (bem bonita, boa como o milho) perguntou-me se estava tudo bem. Eu respondi que sim, mas com cara de "enjoado". Ela percebeu o meu estado de espírito e não era para menos, estava à beira de um exame. Estava eu na cama, a enfermeira estava a preparar-se para enfiar-me aquele "belo pedaço de mangueira" pela goela abaixo quando eu falo apavorado e digo que sempre fiz com anestesia. Lá pararam o processo e deram-me uma pequena anestesia. Aparentemente o exame foi rápido, pois cerca de quinze minutos depois estava fora da sala de exame. A minha mãe perguntou-me se estava tudo bem, eu respondi que sim. Voltámos para casa, eu estava completamente lúcido e conversava normalmente. Parecia tudo normal não fosse o facto de não me lembrar de nada. Tudo o que contei até aqui depois do exame, foi que me contaram. Como digo por brincadeira, estava em "piloto automático", pois não tenho ideia de nada, nem de chegar a casa. À tarde, já estava bem e conversei com alguns amigos pela net como habitualmente faço. Uma das amigas completava mais um aniversário e eu surpreendi-a, pois falei com ela pelo msn mas nunca lhe dei os parabéns. À tarde telefonei-lhe e dei-lhe por telefone as felicitações (sempre é melhor, é mais pessoal). Foi um dia "anormal" mas que ainda não tinha acabado. À noite conversei através de uma conversa áudio via internet, coisa que ainda não tinha acontecido. O meu dia de ontem teve três partes, foi um dia "chique". Tive o "antes do exame", o "depois do exame" e a tarde que se espalhou até à noite. Tive de tudo. O dia foi tão estúpido que até me deu para começar um blog (deve ter sido efeito da anestesia).É um para mais tarde recordar.

publicado por Zé Luís às 15:59
Terça-feira, 12 DE Julho 2005

Toda a gente escreve um livro, porque raio não haveria eu de escrever um blog? Como não tenho jeito para escrever livros, faço um blog. Eu já tentei escrever um livro, mas como os que leram só o elogiavam, deixei de lado a ideia. Muitos elogios é mau sinal, se bem que os elogios viessem dos meus amigos e familiares. Por virem dessas pessoas, só me davam mais uma razão para abandonar a ideia. Dizem que mais vale cair em graça do que ser engraçado. Pois bem, tentei a primeira hipótese, não resultou. Vou tentar a segunda hipótese. Possivelmente será pior a emenda que o soneto, mas como o soneto não é grande coisa, não tenho nada a perder. Vou tentar escrever com o coração (os dedos também dão jeito), vou escrever sobre tudo o que me apetecer. Futebol, amor (se bem que seja pouco entendido na matéria), vou tentar falar de tudo. Espero que gostem (quem se der ao trabalho de visitar esta bodega)

publicado por Zé Luís às 18:13
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Julho 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
15
25
26
30
31
últ. comentários
Boa sorte, amigo feiticeiro, lol! e nunca digas nu...
Este post já é antigo mas faz todo o sentido! Para...
Era perfeito! Mas não sendo possível, pode ser que...
É! Pelo menos desta vez não houve aquele sofriment...
olá, ... olha tens um desafio no meu blogue para c...
Olá, venho aqui hoje, pra te colocar um desafio, o...
Também acho que tens razão, acima de tudo esses ac...
ahahah está certo!
Hum... não se se ele vai conseguir acabar lá. Quer...
pois, azul e preto há é branco que quero dizer, é ...
subscrever feeds
blogs SAPO