Domingo, 11 DE Setembro 2005
Eu decidi escrever o meu primeiro poema. Tem um estilo infantil, mas também não sou poeta. Espero que gostem (se não gostarem, avisem). É só para saber se devo largar de vez a poesia.

Não sou poeta
Nem sei versar
só espero que esta poesia
a algum lado vá parar.

Não tenho muito jeito
Para poemas escrever
Mas vou pôr isto aqui
Para que possam ler.

Não sei o que me deu
Para fazer de poeta
Só espero que não saia
Um poema da treta.

Toda a gente escreve sobre Amor
Mas não tenho queda para sentimentalista
Prefiro fazer de palhaço
Ou então ser um projecto de artista.

A Bitu convidou-me para
No nosso concurso participar
Eu pensei escrever um texto
Mas acabei a versejar.

Espero que tenham gostado
Desta pequena poesia
Abraço e beijos a todos
Até qualquer dia.

Aqui está a minha primeira poesia (e quem sabe última). Sempre era uma peça valiosa, por ser única.
publicado por Zé Luís às 17:00
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Setembro 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
14
16
17
18
19
20
21
23
25
26
28
30
últ. comentários
Boa sorte, amigo feiticeiro, lol! e nunca digas nu...
Este post já é antigo mas faz todo o sentido! Para...
Era perfeito! Mas não sendo possível, pode ser que...
É! Pelo menos desta vez não houve aquele sofriment...
olá, ... olha tens um desafio no meu blogue para c...
Olá, venho aqui hoje, pra te colocar um desafio, o...
Também acho que tens razão, acima de tudo esses ac...
ahahah está certo!
Hum... não se se ele vai conseguir acabar lá. Quer...
pois, azul e preto há é branco que quero dizer, é ...
subscrever feeds
blogs SAPO